Segunda-Feira , 24 de Julho de 2017

Política

Eduardo Cunha chega para prestar depoimento na Operação Cui Bono, em Curitiba

Ele deve depor na manhã desta sexta-feira (14), na Superintendência da PF.

Em 14/07/2017 , às 11h56 -

Imagem: Divulgação Clique para ampliar  (Imagem:Divulgação )
 O ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha chegou, por volta das 10h desta sexta-feira (14), para depor na Polícia Federal (PF), em Curitiba. Ele foi chamado para falar sobre a Operação Cui Bono, que investiga um esquema de fraudes na Caixa Econômica Federal.

Cunha foi levado do Complexo Médico-Penal (CMP), em Pinhais, na Região Metropolitana de Cur

itiba, onde cumpre pena, para a Superintendência da PF.
O depoimento estava marcado para começar às 11h. Ele deve depor para o delegado Maurício Moscardi, de Curitiba, mas as perguntas vieram da PF de Brasília.

É no Distrito Federal que ocorrem as investigações que apuram o pagamento de propina em troca da liberação de empréstimos na Caixa Econômica. Além de Cunha, também são investigados o ex-ministro Geddel Vieira Lima e o doleiro Lúcio Funaro.
Ambos estão presos; o ministro cumpre prisão domiciliar e Funaro está na carceragem da PF em Brasília.

O advogado de Cunha, Délio Lins e Silva Júnior, chegou junto com a mulher do ex-deputado, Cláudia Cruz.

Sexta-feira é dia de visitas no CMP. Como Cunha tinha o compromisso na PF, a visita foi transferida. Depois do depoimento, Cunha deve ser levado de volta ao Complexo Médico-Penal. Fonte: g1

Enviar por email

Comentário: Os comentários serão incluídos na mensagem

Comente esta notícia