Em 2008-11-04 01:53:56 - Por Informe da Tribuna

O TRE cassou hoje o mandato de três vereadores não reeleitos acusados de infidelidade partidária. O caso que mais chamou a atenção foi de Teixeira (PDT), de Nina Rodrigues. Ele troucou o PT pelo partido do governador e teve como sua principal testemunha de defesa o presidente do legenda no Maranhão, deputado Domingos Dutra. Dutra prestou depoimento em favor de Teixeira no processo contra o próprio partido que dirige. O vereador deve ser substituído pela petista Dolores.

Os outros dois casos aconteceram em Bacabal e Anajatuba. Em Bacabal, Clariano Oliveira foi cassado por trocar o PMDB pelo PSDB. Em Anajatuba, quem entrou na degola foi Miguel Sampaio Soares. Ele saiu do PMDB e se abrigou no PDT.
 

Leia Mais.

Em 2008-10-15 11:43:10 - Por Informe da Tribuna

Afinal, a verdade sempre aparece. Esse foi o título do panfleto que o candidato derrotado Luciano Leitoa distribuiu criticando a pesquisa do Ipop que apontava a vitória da prefeita Socorro Waquim. E de fato a verdade dos números prevaleceu.

PÉ FRIO

Zeca Pinheiro, secretário de comunicação do governador Jackson Lago, é um pé frio. As duas cidades para qual foi designado para trabalhar como marqueteiro, em Codó e Timon, amargou derrota acachapante.

QUE VERGONHA!

O Timonense, me refiro aqui ao jornal de propriedade do atual vice-prefeito João da Gráfica, só fez mentir e caluniar ao longo da campanha eleitoral. Em toda edição era uma saraivada de ofensas e calúnias contra a prefeita, coisa que parecia mais despeita do que outra questão factual.

QUE VERGONHA II!

Na última edição, por exemplo, estampou em sua primeira página que Luciano venceria eleição com mais de 8 mil votos. E agora? ÉTICA Ética na informação é, sem dúvida, uma questão de conduta moral. Portanto, os que assim não agem prestam um grande desserviço à população e à cidadania e devem ser combatidos para que o mal não prospere e nem deforme o caráter dos leitores. Aliás, tem muita gente falando de ética sem saber, na verdade, o seu real significado na prática.

LAMBENDO A RAPADURA

Caso o deputado federal Flávio Dino, do PSB, se eleja prefeito de São Luis, agora no segundo turno do próximo dia 26 de outubro, quem ocupará a sua cadeira na Câmara será o petista Washington Luis. O candidato derrotado a prefeito de Timon, Luciano Leitoa, ficará na primeira suplência.

BANIDO

Já o pai de Luciano, ex-prefeito Chico Leitoa que obteve um pouco mais de 19 mil votos para deputado estadual, está inelegível. O registro de sua candidatura foi impugnada por improbidade administrativa após a eleição de outubro de 2006. Por essa razão nem suplente é mais.

ERRO

Essa estratégia de distribuir camisas para o pessoal que vai trabalhar na eleição não funciona. Que o diga o ex-governador do Piauí, Hugo Napoleão, que colocou todo mundo de azul na eleição que perdeu feio para o atual governador, o petista Welington Dias.

ERRO II

A mesma coisa quando o ex-prefeito Chico Leitoa perdeu em 2004 para a prefeita Socorro Waquim. E agora o Luciano também incorreu no mesmo erro. Várias pessoas vestiram a camisa dele, mas na urna digitaram o número 15, da Professora Socorro.

TORCIDA ESPECIAL

O telefonema do presidente Lula para parabenizar a prefeita Socorro Waquim pela sua vitória não deixa dúvida quanto a sua torcida, embora distante, pela peemedebista. Com certeza, poucos foram os candidatos eleitos que receberam um cumprimento especial como esse do presidente Lula para com a prefeita de Timon.

AOS NAVEGANTES

Nas entrevistas que tem concedido, a prefeita Socorro Waquim deixa claro que o seu governo não será igual ao anterior. Algumas peças serão trocadas e a determinação é no sentido de fazer valer o seu slogan de campanha: "Pra fazer muito mais".

TRAQUEJO

A partir de janeiro de 2009, Timon contará com um vice-prefeito de muito traquejo político. Sem alopração.

Leia Mais.