Em 2011-06-09 10:54:56 - Por Colinas João Badeco

Uma mãe!
De janeiro a maio deste ano o Governo Federal já pagou exatos R$ 465.396,00 às famílias jatobaenses cadastradas no Programa Bolsa Família. É muito dinheiro circulando todo mês no comércio da cidade de... Colinas! Isso mesmo, no comércio de Colinas, já que em Jatobá não há comércio forte e há apenas algumas quitandinhas de ponta de esquina onde não tem nem o essencial.

O saque
Todas as famílias de Jatobá beneficiadas com o Bolsa Família sacavam seus caraminguás nas lotéricas de Colinas e por lá torravam tudo no fortíssimo comércio colinense comprando o básico para a sobrevivência. Pensando em fortalecer o comércio jatobaense – ou achando que o comércio jatobaense fosse se fortalecer – o micro-empresário Marcone Ramos ganhou uma concessão de casa lotérica da Caixa Econômica Federal e fez tudo bonitinho: preparou o ponto, instalou as máquinas e pronto, Jatobá já tinha sua primeira casa lotérica. E o povão até vai a Jatobá sacar na lotérica do Marcone, mas dá meia volta e vai gastar o dindin em Colinas.

Falta coragem
Ao Louro Benvindo, Antonio Oleiro e Zé Roberto, os homens mais endinheirados da cidade, faltam coragem para investir em sua terra e fazer um supermercado como há tempos Jatobá precisa. Mas que nada, eles preferem deixar sua dinheirama dormindo no Banco do Brasil em Colinas e também fazer suas compras no Baratão, pra alegria de Seu Joacy.

Pelo beiço
Carlene Pai D´égua, filha do micro-empresário Vicente Pai D´égua, dono de quase todas as terras das redondezas de Jatobá e que em tempos idos foi um dos mais ferozes opositores do regime miguelino, aderiu ao grupo hoje comandado pela prefeita Ednaura e pela vice Consuelo. E virou secretária adjunta da educação.

Acordo
Segundo fui informado por fontes fidedignas, é bem provável que o médico Gerson Pereira dos Santos, ex-candidato a prefeito e vice de Jatobá e um dos pré-candidatos a prefeito em 2012 pela oposição, se torne o mais novo aliado de Ednaura e Consuelo. As negociações no sentido de trazer o médico para o grupo estão a todo o vapor e envolve a vaga de vice na chapa de Cônsul ou a direção do Hospital Regional Tibúrcio Ferreira, que será inaugurado muito em breve.

Chateado
Ainda segundo essa fonte, Dr. Gerson estaria muito chateado com as incursões do companheiro Antonio Miguel no submundo da política jatobaense. Pelo acordo entre os três pré-candidatos, a escolha sobre quem seria o adversário da “Mainha” na disputa só sairia em 2012, mas AJ, por baixo dos panos, mexeu os pauzinhos antes da hora, se lançou como candidato e já até escolheu o vice.

De volta
Saindo Dr. Gerson ficam Marcone e Antonio Miguel como baluartes do movimento oposicionista jatobaense. Certo? Errado! Marcone, primo da prefeita e amicíssimo de seu marido Zé do Povo, já está quase desembarcando de mala e cuia no governo e pronto até pra assumir a coordenação da campanha da ex-quase inimiga Consuelo.

O homem que se multiplica
Alex Russo, secretário de administração e finanças de Jatobá, é também professor de matemática da rede estadual de ensino, secretário da mesa diretora da Câmara Municipal, corredor de rally e micro-empresário do ramo da t

Leia Mais.

Em 2011-06-04 10:55:57 - Por Colinas João Badeco

Lamentável a situação dos acadêmicos do curso de enfermagem da UEMA, em Colinas. Ao serem aprovados no primeiro vestibular realizado pela instituição, esses alunos tiveram a promessa da universidade e da prefeitura municipal de que no decorrer do curso, conforme fossem surgindo a necessidade de aulas práticas, eles seriam deslocados para outros centros mais avançados, tipo Caxias, Presidente Dutra e até mesmo São Luís, para treinamentos.

No entanto, passados mais de três anos e meio, com os alunos já na fase de estágio para graduação, a realidade é totalmente inversa e diferente daquilo que foi prometido. Mesmo recebendo verbas do governo do Estado para custear o deslocamento dos alunos e para implantar um laboratório na cidade para as aulas práticas, a prefeitura municipal, parceira da UEMA, nada fez.

No início do curso parte do acordo foi até cumprida com a prefeitura disponibilizando um laboratóriozinho em alguma unidade de saúde do município e dando um carro para levar os alunos até Presidente Dutra e Caxias. Mas hoje, quando a necessidade de treinamento é maior e esses alunos precisam mais ainda do apoio da prefeitura, a coisa é bem diferente. Não há mais laboratório e não há mais carro para levar ninguém nem sequer ao vizinho município de São Domingos que, mesmo não tendo nada a ver com a situação, disponibilizou uma unidade de saúde num povoado para os alunos de Colinas terem suas aulas práticas, já que a prefeitura colinense parece nem aí para a formação profissional de seus filhos.

E todo o deslocamento e despesas com alimentação, etc., são por conta dos alunos. A situação é tão crítica que tem aluno que não dispõe sequer de R$ 0,50 para comprar um salgadinho desses cheio de bactérias vendido nas ruas em cima de uma bicicleta. Aí fica o impasse: ou pagam o deslocamento ou compram lanche, as duas coisas não dá!

O que lasca nisso tudo é saber que desde a implantação do curso a UEMA e a prefeitura garantiram aos alunos que as despesas com deslocamento ficariam a cargo das duas instituições, com a segunda se responsabilizando por isso. Hoje, quase finalizando o curso, os alunos estão ao Deus dará e sem quaisquer perspectivas de como isso tudo terminará.

É assim que a Colinas de ZH, Valmira e Cabeção trata seus filhos.

Leia também: www.badeco.zip.net

Leia Mais.

Em 2011-06-02 09:44:45 - Por Colinas João Badeco

Segundo informações do blog do Luís Cardoso, há uma operação em curso da Polícia Federal deflagrada na manhã de hoje visando prender prefeitos corruptos do Maranhão e Piauí. Como bem disse o poeta português José Régio: “Sinto espuma e gosto de sangue nos lábios...” Eu quero é ver o circo pegar fogo!

Como eleitor e contribuinte que paga em dia seus impostos e trabalha oito horas por dia para viver com um mínimo de dignidade, sinto um misto de prazer e alegria quando vejo um prefeito ser preso, mesmo que o desgraçado saia no dia seguinte por conta de algum hábeas corpus conseguido durante a madrugada em algum Tribunal.

É uma indecência, uma imoralidade o que a maioria dos prefeitos no Brasil todo faz. O sujeito é eleito para melhorar a vida da população e durante os quatro ou oito anos em que está à frente do poder só se preocupa em melhorar a sua própria vida e de seus familiares.

Quando toma posse o cabra praticamente entra com uma mão na frente e a outra atrás. Aí, em menos de dois anos começam a aparecer na maior cara de pau com carrões, imóveis e outros tipos de bens, principalmente apartamentos e mansões de luxo na Capital. Fora a tal Hilux, não conheço um só prefeito que não tenha uma.

Então, PF, prenda esses bandidos! Mesmo que saiam em menos de 24 anos, não tem dinheiro no mundo que pague a alegria que sentimos ao vermos esses pilantras algemados e humilhados diante das câmeras de TV.
 

Leia também: www.badeco.zip.net

Leia Mais.

Em 2011-05-12 17:59:00 - Por Colinas João Badeco

O ex-prefeito de São Domingos do Maranhão, Antonio de Castro Nogueira, é desde esta quarta-feira (11), candidato ao recorde de recursos a serem devolvidos ao erário relativos a um só exercício, decorrente de despesas não comprovadas.

Ele teve suas contas relativas ao exercício de 2008 desaprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado, que também julgou irregulares suas contas do Fundeb, do Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS), Fundo Municipal de Saúde (FMS) e de gestão, todas com débito e multas.

Somadas todas as contas, o débito do ex-prefeito com o erário chega a R$ 5,3 milhões. Já as multas devidas pelo gestor perfazem um total de R$ R$ 303,2 mil. Responde solidariamente pelo débito do Fundeb, do FMAS e do Fundo Municipal de Saúde o gestor Charles de Oliveira Nogueira.

Além da reprovação das contas, das multas e do débito milionário, o ex-prefeito foi declarado inadimplente em relação ao Fundo de Previdência do Município, também do exercício de 2008, que será objeto de Tomada de Contas Especial por parte do TCE. O ex-prefeito deverá recorrer da decisão, já que se trata de primeiro julgamento.

Na mesma sessão, o Tribunal desaprovou as contas de 2008 do ex-prefeito de Turiaçu, Joaquim Umbelino Ribeiro, julgando irregulares suas contas de gestão, do Fundo Municipal de Saúde (FMS), do Fundeb e do Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS). O débito do ex-prefeito com o erário é de R$ 25,7 mil e as multas somam um total de R$ 76,3 mil.

O TCE desaprovou ainda as contas de Agenor Almeida Filho (Mirinzal, 2004), com multas no total de R$ 9,2 mil e julgou irregulares as contas do Fundeb e do Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS) relativas a 2007 de Raimundo Nonato Pereira Ferreira, ex-prefeito de Buriti Bravo, com multas no total de R$ 55 mil.

O TCE julgou regulares com ressalvas as contas do Fundo Municipal de Saúde de David Rodrigues da Silva (São Raimundo do Doca Bezerra, 2007), em grau de recurso; julgando regulares as contas de Douver Moreira Santos (Centro de Saúde da Liberdade, 2008).

(Com informações do portal do Tribunal de Contas do Maranhão)

Comentário meu:

Uma coisa é o TCE condenar qualquer gestor ou ex-gestor a devolver qualquer quantia, até o último centavo roubado. Outra coisa bem diferente é o pilantra devolver. O máximo que pode lhe acontecer é ficar inelegível por algum tempo. E só.

Leia Mais.

Em 2011-05-04 13:30:31 - Por Colinas João Badeco

Desde que passou a atuar politicamente em Colinas, o ex-prefeito de Passagem Franca, Reinaldo Sousa, vem sendo alvo do duríssimo jogo sujo praticado pelo grupo político do prefeito ZH, que agora foi reforçado com a presença do deputado Arnaldo Melo, presidente da Assembléia Legislativa do Maranhão e arquiinimigo de Reinaldo.

A sacanagem começa mais ou menos assim: a empresa de Reinaldo é a responsável pela implantação do programa Luz para Todos, do governo federal e há mais de um ano está levando energia elétrica para todo o município de Colinas, principalmente para a zona rural. E isso, claro, deu ao empresário e político uma certa notoriedade e respaldo perante à população, fazendo com que seu nome seja inclusive lembrado como um dos pretensos candidatos a prefeito em 2012.

Como não poderia deixar de ser, o trabalho desenvolvido por Reinaldo e a boa votação de seus candidatos na última eleição em Colinas despertaram a ira do grupo do prefeito de fato e de seus bajuladores de plantão. E desde então ele passou a ser o alvo preferido e vítima maior da perseguição política de ZH. Fora isso, Reinaldo ainda se aliou politicamente ao maior adversário político de ZH, o médico Antonio Carlos Oliveira.

A prova da perseguição política implacável está num requerimento aprovado pela Câmara Municipal de Colinas sugerindo uma investigação da empresa de Reinaldo. De que o ex-prefeito de Passagem Franca e sua empresa são suspeitos, isso ninguém sabe. Uma perguntinha despretensiosa: porque os edis colinenses não aprovam um requerimento ou até mesmo uma CPI para investigar o enriquecimento ilícito de Júnior Cabeção? Eles não têm coragem pra tanto.

Assim como eu, a maioria dos colinenses deve ter ficado boquiaberta com a postura do vereador Gonçalo Neto. Eleito pela oposição e hoje um dos que mais segue o que determina ZH, GN também votou pela aprovação do requerimento. Seu tio, o ex-deputado Zé Eider, que já afirmou em rodas de conversa que pretende se unir a ZH, foi o candidato a vice do Dr. Antonio Carlos nas eleições de 2008, mas segundo algumas fontes, está de namoro firme com o prefeito de fato e Arnaldo Melo. O objetivo: destruir Reinaldo Sousa e Antonio Carlos, ganhar as eleições de 2012 e terminar de vez de lascar com a cidade.

Como se não bastasse a aprovação do tal requerimento, os vereadores colinenses querem ainda desapropriar uma extensa área de terra no povoado Serra Negra, pertencente ao empresário, sem qualquer justificativa. Mais uma perguntinha: porque não desapropriam os milhares de hectares das terras de ZH e Júnior Cabeção?

Eita Colinas!

Leia também: www.badeco.zip.net

Leia Mais.

Em 2009-11-07 15:27:20 - Por Colinas João Badeco

A Prefeitura Municipal de Jatobá, através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, está preparando uma programação especial para comemorar a passagem de seus 13 anos de emancipação política, que acontece no próximo dia 10 de novembro.

Da programação oficial, iniciada dia 6, constam palestras educativas nas escolas a serem ministradas pela professora decana do município, Raimunda Honorata Fontes, que por oportuno falará também sobre a história de Jatobá desde sua fundação como povoado pertencente ao município de Colinas até passar à condição de cidade em 1996, a realização do Primeiro Festival de Cultura e inauguração de obras.

Dia 9, segunda-feira, prossegue a programação com gincanas escolares, inauguração do ginásio poliesportivo Adegildo Alves de Lima, da Praça de Eventos Maria Rita (foto), do posto de saúde do povoado Lajeado e de apresentações culturais com bumba meu boi, quadrilhas e show em praça pública com a banda Cupidos do Forró.

Dia 10, aniversário da cidade, pela manhã, acontece a final do campeonato masculino de futebol, e a noite, a partir das 20h00, acontece o desfile das Rainhas Agrícolas e o encerramento das festividades com a banda de forró Encantus e com sorteio de vários brindes aos moradores.

O deputado estadual Arnaldo Melo e o secretário de estado do planejamento, Gastão Vieira, já confirmaram presença nas comemorações do aniversário da cidade.

Para a prefeita Ednaura Pereira, a cidade tem muito o que comemorar. “Vamos entregar três importantes obras para os jatobaenses, o ginásio poliesportivo, a Praça de Eventos Maria Rita e um moderno posto de saúde no povoado Lajeado, além de várias escolas que foram totalmente reformadas. Fora as obras já prontas, estamos iniciando a construção de uma escola de ensino médio, um hospital municipal e um matadouro na sede, de postos de saúde nos povoados Taboca da Onça, Pulga e Axixá e perfurando um poço artesiano no povoado Olho D´água”.

Leia Mais.

Em 2009-10-28 23:15:24 - Por Colinas João Badeco

Sem um governador amigo pra bancar toda a sua estrutura de campanha, cooptando prefeitos e demais lideranças políticas do Estado para lhe apoiarem, fazendo dele o quarto deputado federal mais votado do maranhão nas eleições de 2006, Carlos Brandão, irmão do prefeito de fato ZH, ver agora, nas proximidades de um novo pleito, o sonho da reeleição ir por água abaixo.

A cada dia perdendo mais e mais aliados – tendo como última perda o apoio da prefeita de Fortuna, Francisca Alves dos Reis, conforme informou Samuel Barroso em seu blog – Carlos ver agora até uma possível chegada à Assembléia Legislativa cada vez mais distante.

Colinas, que poderia ser sua principal base eleitoral, é administrada por Valmira Miranda, seguramente a pior prefeita do mundo! Fora o desgaste por que passa o grupo político liderado por seus dois irmãos, Marcus e Zé Henrique, não se ver qualquer obra ou qualquer benfeitoria que tenha sido realizada por intermédio de alguma emenda parlamentar de autoria do apagadíssimo parlamentar maranhense.

Como tudo parece indicar, CB será deputado de um mandato só, marcando sua passagem na Câmara Federal como o parlamentar autor do bizarro projeto de lei que criou o Dia do Vaqueiro, uma homenagem singela dele e sua família a uma dezena de doidos que dedicam sua vida montando em lombos de cavalos e correndo atrás de boi em troca de prêmios pagos pelo erário público.

Leia Mais.

Em 2009-09-03 19:09:15 - Por Colinas João Badeco

Tontonho vem aí

É pra valer sim a pré-candidatura do competente advogado colinense Antonio Menezes, o Dr. Tontonho. Recém desfiliado do PTB, Tontonho procura agora uma nova agremiação partidária onde possa concorrer a uma das cadeiras da Assembléia Legislativa. O mais provável, segundo informação do blog do Samuel Barroso, é que se filie no PC do B, do deputado federal Flávio Dino e do jornalista colinense Márcio Jerry, presidente do diretório de São Luís.

Denuncismo Vazio

A onda de denúncias vazias que o professor Antonio José faz via internet, sempre com o intuito de atingir as pessoas que não cederam aos seus inúmeros pedidos e nem sucumbiram às suas chantagens, até agora não surtiram, para sua indignação, nenhum efeito concreto favorável a ele. E nem surtirá. De concreto mesmo, e desfavorável a ele, só mesmo algumas ações que serão impetradas pelos difamados na Justiça a fim de que todas as agressões e difamações sejam devidamente reparadas.

Sem provas não nale

Ao acusador cabe o ônus da prova. Isso é regra básica no direito. E pelo que sei e vi, o nobre professor não tem nenhuma. Das inúmeras tentativas de causar polêmica, todas restaram infrutíferas. Em face disso, o professor resolveu partir pra algo mais concreto e que chegasse ao conhecimento de um expressivo número de pessoas: o uso da tribuna da Câmara Municipal para, mais uma vez, atingir a honra alheia. Mas se deu mal!

Pulso firme

Conhecedor dos objetivos do professor, o presidente da Casa, vereador Valdi Matos, fez valer sua autoridade e, junto ao decano vereador Edmilson Alarico, barraram Antonio José. E não o fizeram agredindo Carta Magna coisíssima nenhuma! O fizeram sim com base no Regimento Interno da Casa e numa Lei criada e aprovada em plenário que específica quem pode e quem não pode fazer uso da palavra na Tribuna.
 

Leia Mais.

Em 2009-02-19 19:50:51 - Por Colinas João Badeco

SÃO LUÍS – Na última segunda-feira (16), Nathan Lima da Silva, uma criança de nove anos, morreu vítima de choque elétrico dentro do Residencial Mali, condomínio localizado na avenida São Luís Rei de França, no bairro do Turu. De acordo com o tio da vítima, Bento Alves da Silva, o garoto havia chegado do colégio e se dirigiu a quadra de futebol society, que fica dentro do condomínio, para jogar futebol com amigos.
Ainda de acordo com Bento Alves, o grupo de garotos saiu da quadra para buscar a bola utilizada durante o jogo. Ao encontrarem a bola, que estava ao lado da quadra, os meninos seguraram no alambrado que cerca a praça esportiva e acabaram levando uma descarga elétrica. Bento Alves afirma ainda que o choque teria sido provocado pela eletrificação do alambrado que estaria em contato com a cerca elétrica do condomínio.
Nathan não resistiu à descarga elétrica e morreu no local. A criança ainda chegou a ser atendida por uma enfermeira que mora no condomínio, mas já era tarde.
Bento Alves revelou à equipe do Portal Imirante.com, que algumas crianças já haviam comunicado aos responsáveis pelo condomínio que o alambrado conduzia eletricidade, mas nada foi feito para solucionar o problema.
- As crianças já haviam denunciado que a tela estava dando choque. A denúncia foi registrada até em ata de reunião há mais de dois meses – afirmou.
Nathan Lima da Silva era filho de Feliciana Lima da Silva, vereadora
do município de Jatobá, distante 445 quilômetros de São Luís.
Fonte: www.imirante.com

Leia Mais.

Em 2009-02-18 13:18:20 - Por Colinas João Badeco

Natan Esly Luís da Silva Pereira, 9 anos, morreu na noite de segunda-feira, 16, após receber uma forte descarga elétrica no momento em que brincava na quadra de esporte do condomínio Mali, onde morava, na Avenida São Luís Rei de França – Turu.

O corpo da vítima deu entrada no Instituto Médico Legal por volta das 23h, e foi liberado para os familiares pela manhã.

Segundo informações do Ciops, o menino estava jogando futebol e teria ido buscar a bola que caiu do outro lado do muro. Quando foi pular a parede, Natan teria tocado na fiação que passa junto ao muro.

A vítima residia no bloco 12, apartamento 204, do condomínio Mali. O caso foi registrado no Plantão do Cohatrac, tendo o delegado Jorge Luís se deslocado até o local e tomado as primeiras providências.

* Matéria veiculada na edição de hoje, dia 18, do Jornal Pequeno

Nota do editor:

Natan era filho da vereadora de Jatobá, Feliciana Lima, e do secretário de administração do Município, Alexsandro Pereira, e neto do ex-prefeito Miguel Bento. Há pouco mais de uma semana estava em São Luís, onde começaria a estudar.

Por todo o dia de ontem, um sentimento de tristeza e comoção tomou conta de toda a cidade, já que os pais da criança são pessoas públicas e queridas em todo o município.

O corpo de Natan foi velado por parentes e amigos na residência de seu tio, Genésio Lima, em Jatobá, e sepultado no cemitério local na tarde de ontem, dia 17.

Leia Mais.